YouTube.com: Vamos Punir Vídeos Ofensivos

Confira quais são punições e as consequências de publicar vídeos com conteúdos ofensivos no YouTube.

 

Novo Logo do YouTube.com (Foto: Divulgação/YouTube)

O YouTube é uma plataforma digital de vídeos e já se consagrou como a maior plataforma de vídeos do mundo, se transformando também em uma maneira de muitas pessoas ganharem dinheiro com produção de conteúdo na internet, já sendo considerada uma nova profissão.

Quem ganha dinheiro com o YouTube e se dedica a isso é chamado de YouTuber.

Em 2006 o YouTube foi eleito como a melhor invenção do ano pela revista americana Time. Desde de então a plataforma tem se consolidada e crescendo exponencialmente o número de visitantes.

Existem diversos canais no YouTube, com temas variados, abrangendo públicos diferentes, assim como existem apenas vídeos que não são feitos por donos de canais ou produtores de conteúdo, são os vídeos colocados de forma aleatória, sem história roteiro ou até mesmo propósito.

Por isso podemos encontrar diversos tipos de vídeos nessa plataforma digital, que servem também para democratizar o conhecimento, com vídeos educativos ou como uma forma de lazer e diversão, com vídeos voltados apenas para o entretenimento de quem assiste.

O fato é que com o YouTube, qualquer pessoa com uma câmera pode fazer o upload de um vídeo, até mesmo de forma anônima. Dessa forma, existem pessoas que utilizam dos vídeos para denegrir a imagens dos outros e dar opiniões controversas com cunho pejorativo e isso tem sido um grande problema para a plataforma.

A polêmica dos anúncios do YouTube

O YouTube pertence ao Google e vive exclusivamente dos anúncios publicados na plataforma, gerando muita renda, tanto para quem produz os vídeos e principalmente para a própria empresa.

Atualmente surgiram algumas polêmica em relação ao conteúdo dos vídeos, pois, o Google não fazia com tanta eficiência o controle do conteúdo de alguns vídeos, fazendo com que algumas marcas aparecessem em vídeos com conteúdos ofensivos e degradantes.

Isso fez com que muitas dessas marcas ficassem insatisfeitas com o resultado de suas campanhas publicitárias, pois poderiam ser associadas com as ideologias e opiniões ofensivas dos vídeos.

Dessa forma, o Google foi obrigado a modificar a forma como estava trabalhando para continuar atendendo os clientes, que são, na verdade, as marcas que fazem publicidade na plataforma de vídeos e geram renda.

Como será feito esse controle?

O Google pretende realizar avaliações sobre os conteúdos dos vídeos, mas não se sabe ao certo como será realizada essa avaliação dos vídeos na plataforma. Os vídeos com conteúdos ofensivos poderão sofrer algumas punições.

Dessa forma, qualquer um que colocar vídeos controversos ou que cause algum tipo de conflito poderá ser punido pelo Google.

Um dos maiores focos de combate serão vídeos relacionados ao conteúdo de ódio, ao uso inapropriado de personagens (principalmente com cenas de sexo), conteúdos incendiários ou degradantes e ideologias depreciativas à algum grupo ou pessoa e também vídeos com apologia ao terrorismo (medida que já era uma preocupação para a empresa).

Qualquer tipo de opinião ofensiva, que possam ferir a imagem de alguém ou algum grupo, como por exemplo opiniões racistas, serão passíveis de punição.

Os tipos de punições

É justamente através das punições que o Google pretende diminuir a intensidade de vídeos com conteúdos ofensivos.

Essas punições serão diversas, a principal delas é a impossibilidade de colocar anúncio nos vídeos, que é uma das maiores rendas dos produtores de conteúdo no YouTube, fazendo com que não seja mais possível receber ganhos com os vídeos.

Em alguns casos, os comentários dos vídeos serão desativados e o vídeo não poderá ser compartilhados em outros sites. Fazendo com que as suas visualizações diminuam muito.

Ou seja, há uma tentativa de diminuir a divulgações desse tipo de vídeo.

A consequência dessas medidas

Com isso, o YouTube visa diminuir os vídeos com conteúdos ofensivos, obrigando os produtores de conteúdo, principalmente as pessoas que ganham dinheiro com o site, a serem mais responsável sobre os conteúdos que estão postando nele.

Dessa forma, que estiver ganhando dinheiro com o YouTube deverá ter em mente que seus vídeos estão sendo avaliados e as punições podem ter grandes consequências, principalmente em relação às questões financeiras.

Essa é uma medida que o Google encontrou para, de certa maneira, prezar por um melhor conteúdo no site e evitar vídeos com conteúdos questionáveis, obrigando os produtores de conteúdo a foca na qualidade de seus vídeos.

Com as punições, é muito provável que as pessoas passem a refletir mais sobre o que podem ou não postar, tendo um impacto direto no público que está assistindo.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários estão fechados.